Associação beneficente de Criciúma constrói centro de inovação com recursos doados pela Justiça do Trabalho

Com os R$300 mil, instituição readequou uma antiga área de 200 m²

18/06/2021 15h32, atualizada em 18/06/2021 16h53

A Abadeus, instituição beneficente no município de Criciúma voltada à promoção, proteção e defesa do direito da criança e adolescente à convivência familiar e comunitária inaugurou recentemente um Centro de Inovação Social (CISA). Projetado para capacitar pessoas que buscam inserção no mercado de trabalho, o espaço foi erguido com recursos de uma multa aplicada pela JT-SC em 2020, em ação civil pública contra uma empresa de transporte de valores e segurança da região.

O total doado foi de R$ 300 mil, por meio de despacho assinado pela juíza  Janice Bastos, da 1ª VT de Criciúma. Com o valor, a instituição readequou uma antiga área de 200 m², inserindo auditório, espaços integrados de estudos e planejamento, almoxarifado, sala administrativa, laboratório de robótica e espaço de convivência e integração. Na última quarta-feira (16), a magistrada esteve no local para conhecer o novo espaço.

Com capacidade para atender 450 pessoas diariamente, segundo a entidade a principal finalidade do CISA é promover a cultura inovadora, conectando pessoas ao conhecimento e contribuindo para que elas obtenham o primeiro emprego e que desenvolvam o empreendedorismo.

Os beneficiários do novo espaço, localizado na sede da Abadeus, no bairro Cristo Redentor, serão crianças, adolescentes, jovens e adultos de Criciúma e região, prioritariamente alunos da rede pública de ensino e empreendedores informais, os quais são o público-alvo da instituição.

 

Texto: Carlos Nogueira / Foto: divulgação
Secretaria de Comunicação Social - TRT/SC
Núcleo de Redação, Criação e Assessoria de Imprensa
secom@trt12.jus.br

Leia Também: