Participe da construção das metas nacionais da JT

20/06/2022 13h49, atualizada em 20/06/2022 18h52

O Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) abriu nesta segunda-feira (20/6) uma consulta pública para saber a opinião de advogados, magistrados e cidadãos em geral sobre quais temas devem ser priorizados em 2023. A enquete segue até 1º de julho. 

Com a consulta, o CSJT quer  ampliar a participação da sociedade e também do público interno na implantação da Estratégia Nacional da JT, democratizando a definição das metas.

O questionário é composto por 17 perguntas sobre temas como atendimento a distância, tramitação processual, celeridade, conciliação, saúde de magistrados e de servidores. No final também é disponibilizado um espaço aberto para opinar sobre as questões abordadas. 

Como são definidas as metas  

A consulta pública é o primeiro passo do processo de definição das metas nacionais. O resultado será levado ao Comitê de Governança do TRT-12, para definição de quais temas se tornarão meta, e em que percentuais. 

Na etapa seguinte, os TRTs se reunirão por segmento ( grande, médio e pequeno porte) para consolidar suas propostas, para, posteriormente, unificá-las com a participação do CSJT. 

A proposta consolidada da Justiça do Trabalho, então, será levada ao Encontro Nacional do Poder Judiciário em novembro, evento organizado pelo Conselho Nacional de Justiça no qual é batido o martelo a respeito das metas nacionais. 

 


Secretaria de Comunicação Social - TRT/SC
Núcleo de Redação, Criação e Assessoria de Imprensa
(48) 3216-4306 / 4307 /4348 - secom@trt12.jus.br 

Leia Também: